Guia de iniciação Contabilidade Ativos Compras Inventário Vendas Conta Corrente Bancos Impostos Salários Central Sistema Glossário Sugestões
Rose Accounting Services ContabilidadePlanos de Contas
ContabilidadePlanos de Contas
Planos de Contas

Planos de Contas

Última alteração a 25/05/2022
Este artigo é aplicável a:
Administrador
Resp. de Vendas
Resp. de Compras
Financeiro
Técnico de RH
Configurador

O plano de contas inclui todas as contas identificadas pela organização para registar todas as entradas e saídas financeiras no livro Razão. As organizações podem adaptar o plano de contas de acordo com as suas necessidades, nomeadamente adicionar novas contas.

É possível definir vários planos de contas que depois são atribuídos às empresas nas respetivas configurações (ver infografia).

Nota: O configurador deverá garantir que o plano de contas se encontra definido antes de criar as contas necessárias.

Criar Conta da Geral

Para criar uma conta da geral, siga os seguintes passos:

  1. Aceder a Contabilidade | Contas da Geral;
  2. Clicar em Criar;
  3. Indicar o Plano de Contas, Conta,Descrição e Termo de Pesquisa. No caso de as contas não terem tamanho fixo, o código irá influenciar o campo Movimento. Por exemplo, a conta 111 é uma conta de movimentos se não existirem mais subcontas. A partir do momento em que cria a conta 1112, os movimentos são copiados da 111 para a 1112 e a conta 111 deixa de ser uma conta de movimentos;
  4. Inserir a conta da Taxonomia para as contas de movimento, caso o plano de contas tenha um referencial indicado;
  5. Na área Classificação, selecionar o Tipo de Subconta pretendida;
    Nota: Quando este campo está preenchido, é obrigatório indicar um elemento no lançamento. Por exemplo, a conta 2111 é do tipo Clientes, o que significa que em todos os lançamentos é necessário indicar um código de cliente;
  6. Preencher o campo Classe e Subclasse para indicar a posição da conta num balanço ou demonstração de resultados. Só depois de preencher a classe é que pode indicar a subclasse;
    Nota: Esta propriedade tem influência no dashboard e em algumas configurações (por exemplo: a conta de descontos concedidos tem de ser da classe de custos);
  7. Selecionar a Natureza da conta e a Moeda da Conta;
  8. Indicar uma Conta de Estorno da Geral, caso contrário irá utilizar a própria;
  9. Na área Obrigações Fiscais, selecionar o tipo de obrigações fiscais e a respetiva entidade para que no relatório de gestão a enviar aos clientes seja apresentado os valores que terão de pagar e por qual entidade. O Relatório de Gestão será disponibilizado brevemente;
  10. Na área Comportamento, ativar as opções pretendidas;
    Nota: Para efetuar lançamentos contabilísticos com retenções, deverá garantir que a opção Permite Retenção está ativa;
  11. Clicar em + e selecionar o separador Impostos PT;
  12. Ativar a opção Sujeito a Tributação Autónoma caso seja aplicável à conta que está a criar;
  13. Selecionar o motivo de tributação autónoma para que o ROSE preencha automaticamente esta informação aquando de um lançamento contabilístico;
  14. Por fim, clicar em Guardar e Novo.
Guardar ou partilhar este artigo
Esta página foi útil?
Obrigado pelo seu voto.
Faça login para deixar a sua opinião.
Obrigado pelo seu feedback. Iremos analisá-lo para continuarmos a melhorar!
Artigos Relacionados
Planos de Contas