Guia de iniciação Contabilidade Ativos Compras Inventário Vendas Conta Corrente Bancos Impostos Salários Central Sistema Glossário Sugestões
Rose Accounting Services SistemaUtilitário Go to People
SistemaUtilitário Go to People
Utilitário Go to People

Utilitário Go to People

Última alteração a 04/10/2022
Este artigo é aplicável a:
Administrador
Resp. de Vendas
Resp. de Compras
Financeiro
Técnico de RH
Configurador

Para agilizar e simplificar a migração de dados entre as versões 9 e 10 do ERP para o Rose, está disponível o utilitário Go to People que permite exportar várias informações do ERP e, de seguida, importá-las no módulo de Salários.

Regras

Antes de executar o utilitário, é importante conhecer as regras de exportação de cada tipo de ficheiro, bem como a ligação entre os campos do Rose e do ERP:

Colaboradores

Na exportação dos dados, são considerados apenas os funcionários com contratos ativos (fichas de funcionários ativas) no momento da exportação. 

De seguida, é explicada a relação entre os campos do Rose e do ERP:

  • no campo Função é considerada a informação do Cargo do ERP;
  • no campo Carreira é considerada a informação da Categoria do ERP;
  • no campo Nível Funcional é considerado o Escalão da Categoria do ERP.

O campo Nome Abreviado deverá ter no máximo 20 caracteres. Caso ultrapasse, o sistema emitirá um alerta.

Contratos

São considerados apenas os funcionários ativos (fichas de funcionários ativas) no momento da exportação. O contrato assume por predefinição o código do funcionário acrescido de “-01”. Já o campo Regime Duração de Trabalho assume o valor 1 para tempo completo e valor 2 para tempo parcial.

Os dados relativos à forma de pagamento, IBAN e SWIFT são preenchidos com base nos dados da conta principal.

O perfil contabilístico assume o valor de MOE se o funcionário, nos dados fiscais da ficha, estiver como pertencente aos órgãos sociais da empresa. Caso contrário, assume o perfil PES.

Deduções

O utilitário exporta todos os descontos de sistema (IRS, Seg. Social, CGA, Sindicato, ADSE, Apólice Seguro e Fundos de pensão) e outros descontos que, aquando da importação, estejam em vigor e associados aos movimentos da ficha do funcionário.

O n.º de subscritor será assumido de acordo com o desconto:

  • Segurança Social e Seguros: o sistema assume o NISS;
  • IRS: o sistema assume o NIF do funcionário;
  • ADSE e CGA: o sistema assume o número de identificação.

Remunerações

O utilitário exporta todas as remunerações de sistema (vencimento, diuturnidades, sub. alimentação e remuneração em espécie) e outras remunerações que, aquando da importação, estejam em vigor e associadas aos movimentos da ficha do funcionário.

Os campos Tipo de Quantidade e Tipo de Valor são preenchidos como sendo de Valor e, quando não é possível determinar, o sistema assume como sendo do tipo Nenhum. Após importar estes dados, deverá rever a configuração destas remunerações.

Os valores das remunerações do ERP são considerados no campo Valor Monetário se na configuração da remuneração estiver definido como Valor Fixo. Caso contrário, a remuneração será em percentagem, sendo considerada no valor da quantidade. O valor da remuneração passa a ser obtido por uma fórmula.

De salientar que as remunerações definidas em "Outros Movimentos" da ficha do funcionário não serão exportadas se a data fim de aplicação for anterior à data início do período de processamento no ROSE.

Já se a remuneração ainda estiver a ser considerada no processamento, o período inicial da remuneração assume o período inicial de processamento caso seja anterior ao período inicial de processamento.

Nota: Não é possível exportar todos os Subsídios de Turno. Deverá posteriormente configurá-los no ROSE.

 Planos Contratuais

Engloba os dados do Plano Histórico Contratual dos funcionários ativos.

  • O campo Tipo de contrato é mapeado com os “TiposVinculo”;
  • O Estado do plano poderá ser Executado para etapas contratuais passadas, Ativo para a etapa atual e Agendada para etapas futuras;
  • Os campos de Aviso prévio são preenchidos com os dados indicados na ficha do funcionário em cada etapa como sendo os dias de aviso prévio por caducidade.

Contas de Benefício

Exporta os registos relativos as Férias e para os Subsídios de Férias e de Natal.

Entradas de Conta de Benefício

Exporta os dias já gozados de férias ou já pagos dos subsídios de Férias e de Natal.

Os dias de subsídios (Férias ou Natal) já pagos transitam a crédito com valor negativo para as respetivas contas de benefício, assim como os dias gozados que também transitam a crédito com valor negativo. Se não existirem dias já pagos/gozados, o utilitário não apresenta registos nesta tabela.

Nota: O sistema irá calcular os dias de direito no ano em curso, creditando os dias de férias e de subsídios (de Férias ou de Natal). Terá de criar um movimento manual para os dias de direito além dos calculados no ROSE (por exemplo, dias que passaram do ano anterior).

Acumulados

A exportação dos acumulados permite que os valores anteriores ao período de início no ROSE sejam incluídos na Declaração de Rendimentos do colaborador. Para isso, apenas serão exportadas as deduções com impacto nesta declaração, ou seja: Seg. Social, IRS e CGA.

O utilitário exporta todos os processamentos acumulados do ano de arranque até ao período anterior ao do início no ROSE. Se este período for janeiro, não é gerado o ficheiro de acumulados.

Os valores acumulados consistem nos valores base, valor sujeito, valor isento, valor não sujeito, valor do colaborador e valor da empresa de cada desconto enunciado anteriormente e agrupado por Naturezas de Remuneração.

Para apurar a Natureza, é necessário efetuar o mapeamento entre as remunerações e as Naturezas. Esta tabela está disponível quando é selecionada a opção Exportar Acumulados.

Sempre que várias remunerações contribuam para a mesma Natureza, ao calcular os acumulados, o sistema irá somar os valores.

Calendário

Preenche o calendário do estabelecimento e, se não existir, utiliza a configuração do BAS.

Exportar Dados

Para exportar os dados destas entidades, siga os seguintes passos:

  1. Instalar o executável aplicável:
    - Go to people v10;
    - Go to people v9;
  2. Abrir o utilitário de acordo com a versão do ERP;
  3. Indicar a linha do produto origem de onde vão ser exportados os dados e a respetiva Instância;
  4. Indicar os dados do utilizador para efetuar a autenticação no ERP;
  5. Clicar em Seguinte;
  6. Indicar a empresa de origem, o ano e o período inicial de processamento no ROSE;
  7. Indicar a empresa de destino no ROSE (apenas são permitidos números e letras em maiúsculas);
  8. Selecionar as entidades cujos dados pretende exportar. Por omissão, estão selecionadas todas as entidades disponíveis;
  9. Indicar os Tipos de Contas de Benefício para Férias, Subsídios de Férias e de Natal;
  10. Indicar a pasta onde os ficheiros serão criados;
  11. Clicar em Seguinte;
  12. Na fase de Mapeamentos, são apresentados todos os registos das tabelas de origem anteriormente selecionadas com o respetivo mapeamento de destino;
  13. Para cada uma das tabelas, apagar o código definido por predefinição e indicar um novo código para ser considerado na importação para o ROSE:
  14. Selecionar a opção Reiniciar Mapeamentos para repor o código origem caso seja necessário reverter as alterações realizadas manualmente;
  15. Na tabela de Deduções, inserir um código destino para cada associação entre o Desconto da Seg. Social e o Regime de Seg. Social;
  16. Depois de definir todos os mapeamentos, clicar em Seguinte.
  17. Criar os ficheiros e inseri-los na pasta de ficheiros indicada no passo 9;
  18. No ROSE, aceder a Configurar Sistema | Importações de Ficheiros.
Guardar ou partilhar este artigo
Esta página foi útil?
Obrigado pelo seu voto.
Faça login para deixar a sua opinião.
Obrigado pelo seu feedback. Iremos analisá-lo para continuarmos a melhorar!
Artigos Relacionados
Utilitário Go to People