Guia de iniciação Contabilidade Ativos Compras Inventário Vendas Conta Corrente Bancos Impostos Integração com Rose People Sistema Glossário Sugestões
Rose Business Management ContabilidadeIntegração com e-fatura
ContabilidadeIntegração com e-fatura
Integração com e-fatura

Integração com e-fatura

Última alteração a 09/11/2022
Este artigo é aplicável a:
Administrador
Resp. de Vendas
Resp. de Compras
Financeiro
Técnico de RH
Assistente de RH
Configurador

O e-fatura permite consultar e exportar todos os documentos de compra da organização para importá-los diretamente na contabilidade do Rose.

Definir Templates de Importação

Nos templates de importação, disponíveis em Contabilidade | e-fatura | Modelos de Fatura, é possível configurar os códigos de IVA e respetivas contas do plano que serão utilizados para cada uma das taxas recolhidas na importação do e-fatura. No caso de ser isenta, poderá também indicar o motivo de isenção.

Apenas é necessário definir os templates na primeira importação, uma vez que este fica predefinido para as futuras importações do mesmo fornecedor.

Importar e-fatura

Para facilitar a introdução dos documentos de compra, é possível consultar a informação do e-fatura e importar diretamente na contabilidade.

Antes de efetuar qualquer importação, é necessário assegurar que:

  1. a opção Validar Documentos Duplicados está ativa em todos os diários que utiliza para importar documentos do e-fatura (ver artigo de apoio);
  2. o configurador/administrador configurou corretamente as credenciais da AT;
  3. não está a introduzir documentos de compra que movimentem mercadorias emitidas pelos fornecedores.

Para agilizar as importações, é possível editar os documentos em lote na grelha para alterar informações, assim como alterar o mesmo valor em todos os documentos apresentados através da opção Edição em Lote. Se selecionar esta opção, apenas terá de escolher o campo a alterar e introduzir o novo valor.

Conheça no seguinte vídeo como é possível importar documentos do e-fatura para o Rose:

Para importar do e-fatura, siga os seguintes passos:

  1. Aceder a Contabilidade | Importação de Dados | Importar e-fatura;
  2. Validar a data dos documentos pretendidos;
  3. Poderá filtrar os documentos apresentados, indicando o Documento e/ou o NIF;
  4. Se pretender incluir os documentos excluídos, selecionar a checkbox Mostrar excluídos;
  5. Clicar em Aplicar;
    Nota:
     O sistema irá atualizar a lista com os documentos encontrados no portal e que ainda não foram importados;
  6. Selecionar os documentos que pretende importar. Se é a primeira importação de um documento com um determinado NIF, é necessário indicar o template para a importação;
  7. Preencher a coluna "Modelo". Opcionalmente, poderá preencher, documento a documento, a conta de custos e alterar a conta definida no modelo;
  8. Preencher a coluna “Descrição” para identificar os documentos (opcional). Esta informação estará disponível nas entradas de diário e em todos os extratos da aplicação;
  9. Inserir as dimensões aplicáveis ao documento na coluna “Conjunto de Dimensões”. Por predefinição, são apresentadas na grelha as dimensões indeterminadas (“0000”), exceto nas contas alternativas que têm dimensões definidas;
  10. Antes de processar os documentos, poderá visualizá-los para garantir que está a selecionar o documento correto. Para tal, basta selecionar o documento e clicar em Pré-visualizar;
    Nota: Apenas deverá selecionar um documento a visualizar. Caso selecione vários, a aplicação apresenta uma mensagem de aviso a indicar que não é possível visualizar vários documentos;
  11. Por fim, clicar em Processar.

Nota: O sistema guarda as opções selecionadas e apresenta-as na próxima vez que importar faturas com o mesmo NIF e o tipo de documento.

Poderá consultar os documentos excluídos em Contabilidade | e-fatura | Documentos excluídos.

Consultar Documentos Importados

Após importar os documentos, é possível aceder à lista de entradas de diários para verificar os documentos importados em Contabilidade | Entradas de Diários.

Os documentos apresentam a seguinte tipologia:

  • Crédito da conta do fornecedor indicada nos parâmetros financeiros;
  • Débito da conta de custos indicada no passo de importação, com o código de IVA proveniente do template;
  • Débito do IVA utilizando a conta do próprio código.

De referir que:

  • O sistema procura a entidade em todas as entidades do cliente. Caso não encontre, irá utilizar a entidade indiferenciada, mas preserva o registo do NIF original (tal como é possível consultar nos dados adicionais da linha da contabilidade);
  • As diferenças de arredondamento do documento contabilístico são adicionadas na linha de IVA de maior valor;
  • O n.º de documento original é guardado no campo referência;
  • As naturezas são invertidas nas notas de crédito.
Guardar ou partilhar este artigo
Esta página foi útil?
Obrigado pelo seu voto.
Faça login para deixar a sua opinião.
Obrigado pelo seu feedback. Iremos analisá-lo para continuarmos a melhorar!
Artigos Relacionados
Integração com e-fatura